Poemetos


Sentinela

Se eu pudesse amar-te agora
Bastaria a lua
a iluminar-me nua
pela fresta da janela




Preciso urgente de um início para o poema

...
E, em lenta agonia,
antes que a lua desponte,
o sol, ao se por no horizonte,
o seu corpo acaricia.

10 comentários:

Fabíola disse...

Obrigada pelo comentário lá no blog, Alice.

Euzer Lopes disse...

O início deste poema pode nem ser escrito por palavras.
Mas nas emoções sentidas diretamente no coração!
Eu confesso que viajei nessas emoções ao ler.

Luiz Lukas disse...

Poderia usar algo do tipo "Rogo a Deus um pedido
que sem demora seja atendido... e vai."

muito bom seus poemas.
http://luizlukas.blogspot.com/

Pobre esponja disse...

O da lua ficou sedutor.
Só não curto foto em poesias: acho que inibe, poda algo da imaginação.

abç
Pobre Esponja

Vaunei Guimarães disse...

Enquanto, no mar, a calmaria...

muito bom o blog...gostei!

K Santiago . disse...

adorei, já estou seguindo !

Anônimo disse...

Conciso, breve e inspiradíssimo.Gostei mesmo.Parabens!
Fábio Zen

EM CARNE VIVA XIV
http://oficinamissoes.blogspot.com/2010/07/em-carne-viva-xiv.html

Plugaaki disse...

nossa você escreve MUITO bem! ja pensou em publicar um livro?

Demetrio Alexandre Guimarães disse...

Olá, tudo bem? Gostei muito do seu blog e estou seguindo para prestigiá-lo. Eu gostaria muito de fazer uma divulgação do seu blog no meu blog de parceiros. Basta você digitar um texto bem bacana sobre o seu blog, e me enviar por e-mail. Qualquer dúvida sobre o texto, leia algumas postagens do meu blog de parceiros para se inspirar.Também ficarei muito feliz se você quiser fazer parceria. Marquei estrela e também adicionei o seu blog no bookmarks do blogblogs. Conto com a sua visita nos meus blogs. Abraço!!

http://wwwrudamon.blogspot.com (o www é sem ponto mesmo)
http://parceirosrudamon.blogspot.com
http://rudamon.blogspot.com


e-mail/msn:
demetrioguimaraes@yahoo.com.br
Abraço!

Elmo Freitas disse...

Putz!
suas palavras foram flechas em meu peito.
Muito bom,muito bom mesmo!