soneto de um amor ferido



quisera eu não ter te reencontrado
e provocado em mim imensa dor
evitaria reviver nosso passado
e conviver com tanto desamor

quisera eu não ter me apaixonado
por teu sorriso puro, encantador
só fez magoar meu coração já machucado
a presa fácil de um cruel perseguidor 

porém se pensas que todo teu descaso
na distância ou silêncio provocado
destruiram o meu amor, lamento

em ti verei sempre o menino adorado
que ensinou-me o mais puro sentimento
não aquele a provocar tamanha dor

2 comentários:

TH disse...

A volta depois de um grande hiato...
Retorna num semblante mais tristinho...
É..acho que isso explica a ausencia...

...

..mas se tira poesia de tudo!
:)

Érica disse...

O descaso, o silencio e a distância, eu sei o que isso pode causar em um coração apaixonado.

Gostei muito de seu poema. Parabéns!
http://alma-feminina.blogspot.com/