Misturança


Quero o abraço...
o descompasso
o beijo molhado
o corpo suado
pedaço de mim...
quero a mistura
de amor e aventura
força e candura
princípio e fim

mistura pouca
mistura louca
mistura tanta
Que se agiganta
E sigo bebendo
do teu veneno
me embriagando
e te sorvendo


10 comentários:

Claudia Halley disse...

Gostei do seu blog e dos seus poemas apaixonados^^.

Franciele Valadão disse...

Lindo! Como sempre, você escreve muito bem!

Gil disse...

A mistura de emoções que nos ligam à alguém e nos fazem querer estar perto,sentir,ter...ah essa mistura que nos entorpece e nos abstrai de tudo ademais,e nos vicia em quer mais e mais...
Lindo intenso e vívido!

saudeecompanhia disse...

excelente o post!Infelizmente querer não é poder!

Salete Corrêa disse...

Li esse e outros também, alguns tão curtinhhos, mas sempre tão intensos. Parabéns pelos belos poemas, continue "poemando"!

Visite o meu: http://pontapedepartida.blogspot.com/

Dois cubos de gelo disse...

que lindo, parabens, acho bem dificil escrever poemas, e os seus são demais

J. Ar-Feinel disse...

Vejo que o amor e a paixão são seus temas favoritos! *-*
Bem pequeno mas muito prolixo em significados. =)
Espero uma visita sua em meu blog!
www.alittledelving.blogspot.com
Abraços
J. Ar-Feinel

Dielma disse...

Simplesmente amei suas poesias!
Tudo muito intenso. Não precisa falar muito prá dizer tudo.
Vou te seguir. Bjo.

Dielma disse...

Oi, Alice! Passa lá no meu blog que tem um selinho prá vc. Bjo.

TH disse...

Uma mistura bem digesta e oportuna pra saborear no dia a dia.
=]